6 de junho de 2014

Blind Date - Tu como Protagonista - Silvam


Li pela terceira vez o exame que tinha em minhas mãos, tentando encontrar algum erro que não existia.
Não tive a melhor infância, foi a fase mais escura da minha vida. Acordar um dia e ver que estava em um lugar diferente ao que tinha dormido, com pessoas diferentes para tomar conta de mim. Tinha perdido a mãe em duas semanas e já nem tinha um pai para apoiar-me nesta situação. Minha adolescência, não foi típica, tive mais livros que amigos, passei mais tempo conhecendo as palavras do que conhecendo as pessoas. Fui forcada a fazer desportos para poder socializar-me, mas sempre senti medo, medo deste momento. Em que este exame chegaria a minha mão dizendo que teria destino semelhante a de pessoas que era suposto eu amar.
- Sílvia – gritou chamando por mim.
Rasguei rapidamente o papel que tinha nas mãos e coloquei-o no lixo, passando a mão pelas minhas maças do rosto, enxugando as lágrimas que a instantes tinha derramado.
- Estás aqui – disse entrando na cozinha colocando seus livros sobre o balcão sobre a mesa – Preciso de um favor seu – avisou apoiando seus braços tão brancos quanto os meus sobre o balcão.
- O que é? – virei-me para a loira de olhos azuis brilhantes que eu já sabia que iria pedir-me algum favor que estaria longe da minha zona de conforto.
- Bem – mostrou os seus perfeitos dentes brancos num sorriso que me fez temer do que sairia daquela boca – Resolvi dar mais uma oportunidade ao Tom, não fique chateada comigo, a gente só vai sair, não significa que irei perdoa-lo, só quero ouvir o que ele tem a dizer sobre o que aconteceu, acho que mereço uma explicação depois de tanto tempo de namoro – explicou-se para mim, gesticulando feito uma doida sem nem um minuto olhar para mim.
Fui incapaz de não rir, vendo-a descabelando-se sobre a opnião que eu daria perante a sua informação, eu odiava o Tom, e não escondo isso de ninguém, minha amiga precisava  de alguém que lhe fizesse rir mais do que chorar, precisava de uma relação e não de um amigo sexual.
- Qual é o favor ? – perguntei ignorando o conselho que estava preso em minha garganta.
- É que eu marquei um encontro – avisou – E esqueci-me que era hoje – avisou.
- Desmarca – avisei.
- É o filho da professora de Sociologia – avisou-me com uma voz fina que deixava o seu sotaque britânico ainda mais forte.
- E?
- Não quero que ela me odeie por despachar seu filho – avisou.
- Porque você aceitou sair com o filho dela?
- Sei lá, estava com raiva do Tom – explicou – É um encontro a cegas – avisou-me,
- Laura, não estou entendendo nada – avisei-a caminhando para a sala.
- Você podia ir por mim.
- O quê? Não, nem pensar – bem que eu sabia que não sairia nada de bom da boca dela.
- Por favor, não será assim tão mau – disse
- Não – repeti
- Ele é um gato – informou.
- Você disse que era um encontro as cegas – lembrei-a, não tinha como ela saber com ele era – E não gosto de ingleses.
- Essa doeu – falou fingindo estar ofendida – Por favor – disse parando diante a mim impedindo-me de entrar no meu quarto.
Ela olhava para mim com aqueles olhinhos do gato das botas do Shrek, eu odiava ela sempre que fizesse aquilo, e logo depois dizia:
- Sirvia, você é minha melhor amiga, se você não aceita, quem vai aceitar? 
- Sílvia - corrige.
- Você entendeu - disse ignorando a correcção - Minha menina das terras de Camões - fez novamente o olhar do gatinho.
- Ele pode ser o amor de sua vida, Laura - avisei-a 
- Também pode ser da sua.
Que companheira de casa/melhor e única amiga que fui arranjar.
- Juro que te mato se ele for desses homens frios e sem sal – avisei-a fazendo-a encher-me de beijos.
- Juro que não te irás arrepender – prometeu.
  _______________________________________
Olá minhas Meninas!
Tudo bem?
Antes demais, peço desculpas pela demora, acho que até perdi algumas de vocês, mas estou de volta e querendo conquistar tudo que puder. Por isso queria pedir que divulguem.
Primeiro Tu Como Protagonista, espero que gostem.
Beijos 

6 comentários:

  1. Desculpa o atraso.
    Gostei muito! Até fiquei desorientada com essa foto do Sam :D
    O que eu faço pela Laura!
    Ainda vou ter que sair com um Tom que nem conheço.
    Posta logo.

    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda irás ficar muito mais com as restantes, até eu fiquei!

      Eliminar
  2. A Sílvia escolheu o Sam Claflin?! Adorei! Eu acho o Sam um ator muito profissional e além disso, lindo!
    A Laura parece muito engraçada! Até mesmo na vida real. Gosto muito da atriz.
    Só espero para ver como correrá esse encontro da Sílvia.
    Posta logo.

    Bjs :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será uma figura mesmo a Laura.
      O encontro será .... :D

      Eliminar

© Curtinhas , AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena