Curtinhas

4 de junho de 2015

Olá!

Olá a todas, espero que esteja tudo bem com vocês!
Comigo as coisas não vão bem, porém ao menos estou a voltar a dedicar-me aquilo que amo. ESCREVER.
O que significa que estou de volta. Mas, não aqui.
Crei um blog novo, porque decidi mudar, como tudo na minha vida agora.
Então.
O tema continuará o mesmo "Curtinhas" e outras coisas mais, e espero vocês lá e o vosso apoio.
E muito obrigada e minhas sinceras desculpas.
Obrigada a Di =D Que lembrou dos meus anos... Agora estou com 20 =D
É só ir para aqui http://sonsalma.blogspot.com/ que apartir de amanhã estarei em peso.
Beijos
Read More

8 de março de 2015

1 de fevereiro de 2015

Primeira Dança - 3 (1/3)


Abandonar aquele lugar de modo que ninguém fosse aperceber-se, era a tarefa mais simples. Durante anos era um facto que já tinha dominado maneiras demasiado eficazes para sair e voltar entrar em qualquer evento que era obrigada a comparecer.
Entramos no primeiro taxi que parou, não era Nova Iorque, logo não tinha sido algo quase impossivel de acontecer. Joseph disse ao motorista o nome de algo que pareceu-me ser algum clube noturno. Minhas mãos ficaram geladas de imediato.
Nunca tinha ido a um clube nocturno, nem sequer bares universitários, os unicos lugares que frequentava que eram quase semelhantes eram os eventos que ia com meu pai desde que era capaz de formular uma frase sem gaguejar.
- Algum problema? - senti sua enorme mão quente sobre a minha, que se encontrava depositada sobre meu colo.
- Vai parecer algo de outro Mundo, mas devo ser a única mulher de 22 anos que nunca foi a um clube nocturno - senti meu rosto enrubecer, devido a imensa vergonha que sentia. Tinha passado meu aniversário de 21 anos estudando para exames, um de Finanças e outro de Sociologia.
- A sempre uma primeira vez para tudo - disse levando a minha mão aos seus lábios - Relaxe, primeira coisa que tens de fazer é simplesmente relaxar e resto flui - informou-me após nossos olhares encontrarem-se.
- Acho que não estamos em trajes apropriados também - informei recebendo como resposta um revirar de olhos que fez-me rir - Ok, relaxar - respirei fundo - Deixar fluir - disse fazendo-o gargalhar.
Exactos quinze minutos se passaram antes do taxi parar na esquina que dava acesso ao clube nocturno, Joseph sai do taxi assim que pagou a viagem, sai logo de seguida vendo-o a livrar-se do casaco, colete e a gravata que usava. Fiquei parada observando a sua cena de strip numa esquina escura. Retirou a camisa da calças, dobrou as mangas até ao cotovelo e desabotou os primeiros botões da mesma.
- Tal como eu pensava - resmunguei - Isso não vai resultar - falei olhando para a roupa que trazia.
- Vai doer muito livrar-se de algum pedaço de pano vermelho? - questionou-me com um sorriso torto nos lábios.
Antes mesmo de poder dar-lhe uma resposta ouvi o som de um tecido a ser rasgado, fiquei perplexa ao vê-lo agaxado diante a mim, rasgando o Valentino que usava sem dó e muito menos piedade, deixando o que era um longo vestido, cobrir apenas metade da minha coxa. A bainha do mesmo estava em um estado critico.
- Melhor? - questionei tentando não entrar em panico com  o seu acto, a ideia era relaxar e fluir.
- Muito melhor - disse com seus olhos fixos em minhas pernas agora despida e os olhos brilhantes e fogosos.
- Homens! - disse passando por ele gingando.
- Camilla, Camilla - disse seguindo-me


_________________________
Lamento o tamanho, não estou muito bem, os próximos serão muito maiores.
Comentários Respondidos.
Obrigada por Tudo.
Beijos
Read More

31 de janeiro de 2015

Primeira Dança - 2 (2/2)


- Camilla Belle - citei elevando o rosto, atitude muito arrogante da minha parte, porém não iria permitir que meu pai fosse se comportar pior que um gato. 
O sorriso que ocupou os seus lábios ao ouvir meu nome, não era nada parecido com o que ele tinha nos lábios a minutos atrás. A tensão tinha tomado poder sobre o momento romântico ou cheio de prazer que tínhamos acabado de ter. 
- Ele tem feito isto sempre? - questionou sem olhar-me.
- Isso é uma maneira muito cautelosa de informares-me que ele contratou-te? - a raiva já fervia em meu sangue. Somente um sim, tudo que eu queria era ouvir um sim. E essa gala iria ser destruída.
- Sou um simples funcionário de uma das empresas de teu pai - justificou-se encarando-me - Posso até pertencer a um emprego que é obtido por homens gananciosos e sem escrúpulo, mas eu gosto alcançar meus objectivos por esforço, não quero somente dinheiro, quero reconhecimento - conclui com os olhos ainda presos aos meus.
- Desculpe - lamentei pela sinceridade que seus olhos transmitiam sobre suas palavras. 
- Não há mim é que deves pedir, mas a tu mesma, por ter essas milhares de barreiras levantadas - disse desviando a sua atenção a lua ainda brilhante. - Talvez seja uma das razões que tu pensas que está é a vida errada - disse entrelaçando sua mão a minha. 
- Precisamos nos proteger, ainda mais quando pertencemos a um mundo de homens gananciosos e sem escrúpulos - justifiquei minha personalidade, como se precisa-se defender-me. 
- Muitos deles só usam isso no negócio- explicou voltando a encarar-me. 
- Muitos deles ainda não tiveste o prazer de conhecer - informei-o.
Se ao menos ele soubesse, se ele tivesse crescido, e soubesse os segredos daqueles homens, não seria uma opção entrar naquele mundo.
- Se és melhor que eles, não te deixes nunca ser manipulado, e que te tirem o teu carácter - pedi. 
- Seria mais simples se tu fosses garantir que isso jamais acontecesse - sorriu para mim, o sorriso que acelerava meu coração.
- Como? 
- Primeiro saímos daqui e tu não fazes pergunta alguma - ordenou.
- Não estás a pensar em pedir recompensa? - disse rindo seguindo-o.
- Talvez sim, talvez não - disse - Talvez mostrar-te a minha "vida" serás tu que terás necessidade de recompensar-me

____________________________________
Olá Princesas.
Tenho uma óptima noticia, meu pc está de volta... Eba!!!
Comentários respondidos Who-6; Primeira Dança-1; Primeira Dança-2(1/2).
E  Alícia, seja bem-vinda linda! Adorei o Top. 
Até Amanhã Lindas!
Read More

12 de janeiro de 2015

Desculpem

Hoje eu acordei super bem e animada, mas como de hábito não alimentei-me primeiro e estou a pagar. Fraqueza tomou conta de mim, apesar de ja ter me alimentado não sinto-me bem. Assim que estiver 60 ou 70% volto. 
Read More

© Curtinhas , AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena