29 de setembro de 2014

Who? - 3


Fechei os meus olhos com imensa força e voltei a abri-los. Repeti a mesma acção por mais ou menos meia hora, não percebia qual era o meu objectivo porém isso não impedia de fechar e abrir os meus olhos mais uma vez.
Por momentos pensei que estivesse tentando ver algo que era incapaz, algo que não sabia ao certo que era, o que tornava ainda mais difícil ser visível, mas insistia e persistia em fechar os meus olhos e voltar a abri-lo, na esperança que um momento fosse ver aquilo que nem sabia o que era.
Dizem que quando passamos horas olhando para um ponto fixo e neutro, começamos a ver formas, mas tudo que conseguia ver era simplesmente a tinta branca que cobria todos os centímetros do tecto que contemplava.
Fechei meus olhos mais uma vez e com eles fechados virei meu rosto para o lado direito.
Um sorriso iluminava seu rosto. Um sorriso de satisfação e encantamento, um sorriso repleto de curiosidade, mas completamente preguiçoso. Um sorriso de quem amou por uma noite inteira um corpo. Felicidade, sim, felicidade é o que seu sorriso transmitia, deixando seus olhos mais brilhantes que são, mais preciosos do que realmente eram.
Não foi por não querer, nem muito menos para ser rude. Não foi por não sentir que ele estava sentindo naquele momento, mas era incapaz de sorrir e mostrar para ele que ele não era o único que tinha desfrutado daquela noite. Cada mínimo momento repetia-se em minha mente, como se estivesse acontecendo naquele mesmo instante.
Desde o momento que deixei de pensar nas palavras que sua mãe dissera-me a mais de uma semana atrás, desde o momento que disse a mim mesma que ninguém sabia mais sobre os meus sentimentos que eu mesma. Desde o momento que quis provar para mim mesma que eu amava meu marido, e ninguém poderia dizer algo diferente.
Mas…
Eu sentia tanto, sentia até demais, sentia tudo baralhado. Não conseguia apalpar uma única emoção, um único sentimento. Queria mais, meu corpo, minha mente, meu coração, os três diziam que eu podia ter mais, mas também ambos sabiam de um jeito que eu estava no lugar errado para encontrar, porem eu amava Chris.
O seu sorriso, seu timbre vocal, os seus olhos, suas atitudes, até mesmo quando estava sendo rude, eu admirava cada particularidade que ele tinha, cada defeito, cada qualidade, eu até amava a sua mãe, pelo simples facto de tê-lo posto ao mundo. Ter posto ele, e o Liam no mundo. E de alguma forma ter posto ambos na minha vida.

Fechei os olhos quando senti seus dedos percorrerem minhas bochechas tão calmamente. Meu coração não bateu descontroladamente, não tremi e nem mesmo fiquei ofegante, porém relaxei, como se nada mais fosse mais confortável que aquilo, sua pele na minha. Porém, sentir-me confortável não era algo que me fazia pensar em amor.
Levantei-me da cama, exibindo meu corpo nu ao homem que tinha desfrutado dele, cobri-me rapidamente com a primeira peça de vestuário que meus olhos encontraram. O seu cheiro inundou-me deixando-me ainda mais confortável do que a segundos atrás, ainda mais confortável que ter os seus olhos sobre mim analisando cada pequeno gesto que dava.
Seu corpo estava nu sobre a enorme cama que compartilhávamos, o lençol simplesmente cobria seus pés o que lembrava-me da falta de modéstia que ele tinha diante seu corpo, um corpo que não pertencia somente a mim.
Isso doía. Doía ele não ser só meu, quando eu era só dele. Quando lutava para ser somente dele. Estava lutando para ser só dele?
- Só são alguns dias! – Suas mãos estavam depositadas em cada lado de meu rosto, seus polegares enxugavam as lágrimas que não tinha notado terem sido derramadas por mim – Não terás de aturar-me – sorriu colocando uma de suas mãos em minha nuca.
- O Liam vai estar comigo todos esses dias – por alguma razão aquelas palavras saíram de minha boca, e meus olhos não largaram os seus enquanto sentia a tensão das palavras abandonarem seu corpo ainda nu, diante ao meu.
- E eu estarei todos os outros depois desses – apesar de ter sido fraco, ele sorriu, confortando-me – Não precisas fazer isso – avisou – Eu sei o que sentes – seus diamantes percorreram cada parte de meu rosto – Isso basta para mim.
- E se a tua mãe estiver certa? – Suas mãos abandonaram-me – Se tudo for uma mentira?
- Tu não amas o Liam! Não do jeito que tu amas-me – informou-me.
- Tu não amas a Elsa! Não do jeito que tu amas-me – falei contemplando meus pés.
- És tu quem eu quero Estela, foi contigo com quem me casei.
- Eu sei, eu sei – repeti mais umas três vezes em minha mente enquanto sentava-me na beira da cama, afastando-me dele, era esse o meu objectivo – Mas…
- Errei, eu sei que o fiz, mas aquilo é que foi um erro e não nós – disse como se estivesse em minha mente naquele momento – Nós não somos um erro.
- Tu achas que eu ficaria com o Liam se naquela noite tu e ela não tivessem terminado?
O som de uma gaveta sendo aberta interrompeu o silêncio que provocou a minha questão.
- Precisas tomar um banho – disse enquanto colocava suas boxers – Tens um voo para apanhar!
- Chris – chamei quando vi dirigindo-se para fora do quarto – Toma comigo? – Disse sorrindo para meu marido.

Image and video hosting by TinyPic
  
________________________
Acabei de escrever! E gostei imenso desse capítulo, não sei a razão certa, mas não irei reler para não estragar a emoção.
E obrigada por estarem aqui, mesmo depois do meu sumiço (proibição), significa mesmo muito para mim, tipo demais mesmo.
E tenho algumas informações sobre a "Curtinha".
1ª - Não sei se só terá cinco partes, tentarei cumprir essa regra, mas realmente não sei.
2ª - Eu prefiro o Chris, desculpem. mas ele é o meu favorito. Mas não deixarei isso influenciar na estória até porque não é minha ( E sim da Estela!)
3º - Há ultima citação da história será " Eu amo-te, mas, lamento muito!" Veio isso na minha cabeça quando estive a escrever  este, e não o vou abandonar, engraçado é que ainda nem sei o que virá no próximo. ( Talvez Liam e Estela moments!)
Vou trocar o visual do blog, aborreceu-me e porque posso agora!
A Amanda ainda não leu, porém vocês merecem demais! ( Esse cap, tem muitos "Porém" e "mas", não acham?)

Estela - A Leonie é muito sortuda! Deram beleza até para partilhar! Ainda bem que adoraste e desculpa. Fazer o quê né? Temos que aceitar apenas :P, Beijos
Ilka - Hahahaha! Juro que eu também fugiria dessa! Depois de " É mais facil livrar-me de ti" Já teria voado para bem longe. 
Sílvia - Como gostam do Liam!! Vai mesmo Estela, assim eu fico com o Chris. Beijo
Diana - Obrigada :) Não é mesmo o que eu queria LOL! Ela está é muito certa. Beijo.
Então até mais tardar domingo. Mas vou tentar aparecer antes. Tipo esta noite! 
Beijão.


6 comentários:

  1. Eu e o Chris juntos numa cama?| Hahaha! Porque é que isso me soa tão mal? Só penso nele com a Elsa. Hot só com o Liam e porque ele está solteiro (mesmo na época em que namorava com a Miley Cyrus eu poderia imaginar essas coisas), é estranho? Acho que sim :D
    Erii, desculpa :( Deve ser complicado fazer algo comigo e com o Liam gostando mais do Chris. E percebo que o casado é melhor! (só pelo simples facto de ser casado e charmoso).
    Quero ler esse Liam e eu moments (talvez).
    Posta logo.

    Beijos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estela é vidente, já sabia que a Miley e o Liam iriam se separar

      Eliminar
  2. Na minha opinião, Estela e Liam. Estou para ver que essa história do Chris com a Elsa é bem séria.
    Só daqui a domingo? :( Talvez amanhã novo capítulo se nós formos uma queridas. A protagonista até já comentou!
    Posta logo.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Um hot da Estela com o Chris? Nunca pensei em tal coisa. Também gostei muito desse capítulo.
    Bem...queria pedir uma coisa, se não pedir muito. Um gif do Liam no próximo capítulo :D
    Claro, se houver Estela+Liam moment.
    Tal como a Sílvia, prefiro Estela e Liam nessa curtinha. Mas mesmo assim vou esperar o que vai ser do próximo capítulo porque ainda não li muito sobre o Liam e o que ele sente pela Estela. Apenas sei do que falou a mãe deles, mas podia ser apenas uma suposição.
    Posta logo.

    Bjs :)

    ResponderEliminar
  4. junta a Estela com o Liam, eu você e a Elsa dividimos o Chris, o que é bom é para partilhar.
    também gostei desse capitulo, e do novo look

    ResponderEliminar
  5. Heyy
    Que saudade, cara!
    Amei esse capítulo, ficou muito fofo! E esse layout? Lindo!
    Pensei que já tinha me decidido sobre o Chris, mas fiquei confusa. Não acho que ele seja uma má pessoa, apenas um marido infiel... Ah! Sei lá, vou decidir isso mais pra frente!
    Sei não, acho que a Estela e o Liam vão dar uns pegas! kkk Quero nem ver!
    Ela pode ficar com os dois? Assim todo mundo sai feliz! Mentira, não faz isso, seria muito egoísmo ficar com os dois kkk tem que dividir com as colegas u.u
    Posta logo amore o/
    Beijos!

    ResponderEliminar

© Curtinhas , AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena